Receita: Tempurá da chef Mari Hirata

Publicado em 20/10/2016

A chef brasileira Mari Hirata mora no Japão há alguns anos e trabalha com dois objetivos em mente: trazer comidas típicas do Japão para cá e mostrar pratos brasileiros para os japoneses. Confira abaixo a sua receita do Tempurá caseiro.

Nível de dificuldade: Médio| Rendimento: 4 porções | Tempo de preparo: 60 min

Ingredientes

  • 1 ovo inteiro gelado
  • 200 g de farinha peneirada e gelada
  • 400 g de água gelada
  • 8 camarões grandes ou 12 camarões médios
  • 4 shitakes inteiros sem o talo
  • 4 pimentões cortados em 4 no comprimento
  • 1 berinjela em rodelas
  • 1 batata-doce em rodelas sem amido (mergulhada em água)
  • 8 aspargos verdes
  • 4 folhas de shiso, basílico ou sálvia
  • 2/3 de copo de dashi (caldo-base japonês feito de peixe seco)
  • 2 colheres de sopa de molho de soja
  • 2 colheres de sopa de mirin (saquê doce)
  • óleo para fritar

Modo de preparo

Massa do tempurá

Misture o ovo com a água gelada numa vasilha gelada sobre banho-maria frio (água com gelo). Peneire por cima dessa mistura a farinha em uma vez só. Misture levemente com dois palitinhos longos ou espetos (não use fouet, nem colher de pau), deixando a mistura bem empelotada, com farinha nas superfícies e nas bordas. A massa só deve ser feita segundos antes de fritar.

Molho

Coloque o dashi, o molho de soja e o mirin em uma panela e leve ao fogo. Quando ferver, o molho estará pronto. É servido com nabo cru ralado e gengibre fresco ralado a gosto.

Tempurá

Aqueça o óleo a 170 ºC e comece a fritar os vegetais. Para fixar bem, passe-os primeiro na farinha e depois na massa. Retire o excesso da massa e coloque no óleo. Não frite muitos por vez para não diminuir a temperatura. Depois dos vegetais, aumente a temperatura do óleo a 180ºC e frite os camarões e os peixes. Não espere que os camarões dourem. Se pegarem cor, já estarão cozidos demais e ficarão duros e sem graça. Estando crocante por fora, a massa indicará que já estão prontos. Sirva com o molho à parte e tigelinhas com sal e pimenta. Cada um pode temperar à gosto seu aperitivo.

Para harmonizar: o Vinho Rosé Berne Esprit di Mediterranée. Esse vinho é uma excelente escolha para o acompanhamento do tempura, já que vai bem com pratos orientais e gastronomia japonesa e a sua mineralidade é essencial para harmonizar os camarões da receita.

Esta matéria fala sobre: Peixe e frutos do mar

Matérias relacionadas:

Harmonização de comida japonesa e vinho

Continue lendo

Receita: Temaki de salmão com cream cheese da chef Carla Pernambuco

Continue lendo

Receita: Shoyu Lamen pelo chef Nobu Ozaki

Continue lendo