Espaço Confrade: Conhecendo a Cave Geisse com Ana Elisa e Ronaldo

Publicado em 03/05/2017

Assinantes da Confraria Grand Cru há quase dois anos, o casal de engenheiros Ana Elisa e Ronaldo se apaixonaram por vinhos durante uma viagem para a Itália e, hoje, compartilham a experiência da visita à Cave Geisse, vinícola localizada na região de Pinto Bandeira, na Serra Gaúcha. Confira!

Grand Cru: Vocês estavam visitando vinícolas pela Serra Gaúcha quando visitaram a Cave Geisse?

Ana Elisa & Ronaldo: Sim, estávamos de férias entre Natal e Ano Novo, passeando na Serra Gaúcha.

GC: Como foi que chegaram até a Cave Geisse? Já conheciam os seus espumantes antes?

A&R: Havíamos conhecido os espumantes da Cave Geisse durante uma degustação da Confraria Grand Cru, realizada no ano passado quando Massimo Leoncini comentou sobre o novo projeto entre Grand Cru e Cave Geisse, e nos ofereceu um dos espumantes para degustar. Como já planejávamos nossa viagem à Serra Gaúcha, incluímos a visitação desta vinícola em nosso roteiro.

GC: Vocês já sabiam como eram feitos os espumantes que passavam por segunda fermentação em garrafa ou puderam aprender durante a visita?

A&R: Sim, já conhecíamos o processo, porém chamou a nossa atenção o cuidado com os detalhes durante todo o processo conduzido pela Cave Geisse. Conhecemos cerca de 10 vinícolas que produzem espumantes e podemos afirmar que nenhuma delas tem o mesmo cuidado e dedicação para a elaboração de seus espumantes. Nos tornamos apreciadores e até divulgadores destes espumantes entre nossos parentes e amigos.

GC: Como foi o passeio na vinícola? Tiveram a oportunidade de fazer o tour pelas caves?

A&R: No passeio pelo interior da vinícola, conhecemos todas as etapas da elaboração dos espumantes e a visita à cave seguramente foi o ponto alto da visitação. É impressionante o cuidado desde o manuseio das garrafas até o controle de características como temperatura e até luminosidade das caves.

GC: Quais outras vinícolas vocês visitaram durante a viagem à região da Serra Gaúcha?

A&R: Permanecemos na Serra Gaúcha por oito dias e vistamos 16 vinícolas. Dentre as grandes vinícolas que conhecemos, destacamos Casa Valduga e Miolo. Entretanto, tivermos gratas surpresas com vinícolas menores e até familiares, produzindo vinhos de excelente qualidade. Destacamos destas Almaúnica, Lídio Carraro, Larentis e Angheben.

GC: Se lembram de ter conhecido algum restaurante bacana nos arredores da vinícola?

A&R: A gastronomia local é fantástica, com destaque para a culinária italiana e contando com uma variedade incrível de massas, embutidos, queijos e doces. Dentre vários restaurantes, citamos dois. O primeiro, Pizza Entre Vinhos, possui uma proposta bem bacana em que as mesas são em torno de estantes de vinho. A casa não possui carta de vinhos, os próprios clientes percorrem as estantes e escolhem o rótulo que desejam degustar. Claro, a pizza também é ótima! O outro, o restaurante Arte Cheff, foi um verdadeiro achado. Neste restaurante, o cardápio é diário e muda conforme a massa que o chef preparou no dia. Tudo caseiro, fresco e delicioso. Se não bastasse as massas deliciosas, as sobremesas são divinas e os proprietários, extremamente simpáticos.

GC: Recomendam algum outro passeio na região de Pinto Bandeira, além da visita à Geisse?

A&R: No caminho para Pinto Bandeira e para a Geisse, está localizado o início do roteiro Caminhos de Pedras. Um passeio cultural e gastronômico imperdível da Serra Gaúcha.

Casados há 21 anos, os engenheiros Ana Elisa e Ronaldo se apaixonaram por vinho em 2015 durante uma viagem pela Itália. A vontade de conhecer rótulos novos, de países e uvas que nunca tinham provado antes, fez com que se associassem a uma confraria, onde provavam vinhos diferentes com amigos – isso sem falar que hoje não perdem a oportunidade de conhecer vinícolas durante as viagens que fazem. Depois de algum tempo, descobriram a Confraria Grand Cru, e faz quase dois anos que assinam o Clube de Vinhos da Grand Cru, aproveitando para conhecer cada vez mais sobre o fermentado de uva.

Esta matéria fala sobre:

Matérias relacionadas:

Espaço do Confrade: Conhecendo Mendoza com Douglas Yoshimura

Continue lendo

Espaço Confrade: Conhecendo a Cave Geisse com Daniela Facciolla

Continue lendo

Cave Geisse: conheça a vinícola que produz os melhores espumantes brasileiros

Continue lendo