6 passeios para fazer na região vinícola da Califórnia: Napa Valley e Sonoma Valley

Publicado em 23/05/2017

Os vales de Sonoma e Napa são duas das principais regiões vinícolas da Califórnia, e um dos maiores destinos turísticos do estado. Condados vizinhos, ficam a cerca de 1h30 de carro de São Francisco e oferecem dezenas de passeios e programas diferentes para fazer, caso você queira fugir um pouco dos roteiros de vinho. Confira as nossas sugestões:

1. Cidade de Sonoma

A cidade com o mesmo nome do Condado é uma excelente escolha – e mais acessível – para se hospedar. O centro comercial da cidade, a Sonoma Square, é pequeno e charmoso, e algumas vinícolas estão a uma distância que pode ser percorrida à pé. Se você quer fazer um piquenique em uma das vinícolas do vale, não deixe de passar pela Sonoma Cheese Factory e escolher alguns dos muitos queijos que harmonizam perfeitamente bem com os vinhos da região.

2. Cidade de  Yountville, a capital gastronômica de Napa Valley

Yountville é uma cidade  muito bonita e dotada de excelente infraestrutura. Considerada a capital gastronômica de Napa, ela fica logo na entrada do vale e é de onde saem muitos dos passeios às vinícolas. Os restaurantes na cidade são diversos e de diferentes estilos de gastronomia. Do Bouchon Bistro, um dos mais famosos da região, e que também conta com unidades em Las Vegas e Bervely Hills, ou o Ad Hoc, que serve comida típica americana, por preços bem mais acessíveis. Outras indicações são o tradicional e sofisticado francês The French Laundry (estrelado pelo Guia Michelin), e o Redd, com cardápio contemporâneo.

3. Napa – o Wine Train

O Wine Train é um luxoso trem totalmente reformado de 1864, que manteve a decoração original do interior dos vagões. O trem é um só, mas cada vagão é temático e você pode escolher qual a sua experiência preferida:

Gourmet Express

Uma experiência gastronômica de três horas de duração. Os assentos nos vagões-restaurantes dos anos de 1915-1917 inclui um menu com diversos pratos e uma degustação de vinhos.

Vista Dome

Os assentos deste passeio especial ficam no topo de um dos vagões do trem. Sob a cabeça dos passageiros, uma cúpula de vidro permite aproveitar a melhor vista das montanhas do vale. O almoço também está incluso no passeio com os vinhos harmonizados.

Romance on the Rails

Uma passeio romântico noturno em cabines individuais no vagão especial com cúpula de vidro. Além do menu degustação do jantar, o casal ainda ganha uma taça de espumante e duas taças da reserva especial do vinho da casa. Como o Romance on the Rails acontece apenas uma vez por mês, dê uma olhada no site da empresa responsável pelo passeio.

4. Passeio de balão

Aqui está um passeio diferente do que você está esperando. O visual dos vinhedos espalhados pelo vale de Napa é deslumbrante visto de cima e ainda é possível optar por pacotes especiais. O que sai ainda de madrugada e serve um café da manhã durante o nascer do sol, com quitutes locais e espumante produzido na região. Fique atento apenas ao clima: mesmo reservados, os passeios de balão precisam ser confirmados no próprio dia por causa do tempo.

5. Tour de bicicleta pelas vinícolas

Se você quer ter uma visão geral da região em vez de conhecer algumas poucas vinícolas, o tour de bicicleta por Sonoma é imperdível. Saindo da cidade principal, você pode optar por dois pacotes diferentes: o tour de um dia inteiro e o tour que só dura a metade de um dia. Mesmo se você não for um ciclista experiente, pode ficar tranquilo! As estradas são boas, os equipamentos de segurança pessoais estão inclusos no pacote, e o grupo de no máximo oito pessoas é sempre acompanhado por um guia local. O trajeto é tranquilo e gostoso, com muitas paradas pelo caminho, já que as vinícolas estão separadas por poucos quilômetros. O ponto alto do dia é um piquenique na hora do almoço em uma das vinícolas do trajeto, que está incluso no pacote.

6. Os mercados de produtores locais

Santa Rosa, Forestville, Halle’s Apple Farm, Petaluma, além da própria feira da cidade de Sonoma, são passeios perfeitos para quem quer conhecer um pouco mais do dia a dia dos habitantes do Condado. Entre o enoturismo e a viticultura, a região é, antes de tudo, agrícola. O cultivo dos alimentos, assim como das vinícolas, é feito por pequenas propriedade familiares. Nos mercados dos produtores – que parecem muito com as feiras livres do Brasil – você encontra produtos orgânicos, comidinhas já preparadas, flores, queijos artesanais e frutas.

Por Marina Leal

Esta matéria fala sobre:

Matérias relacionadas:

Receita: passo a passo de como fazer o hambúrguer caseiro perfeito

Continue lendo

6 filmes que são uma delícia para assistir tomando vinho

Continue lendo

A Pinot Noir pelo mundo

Continue lendo