Aprenda a lavar corretamente suas taças e decantadores de vinho!

Publicado em 08/11/2016

Taças de vinho, sejam de cristal ou mesmo de vidro, costumam ser difíceis de lavar: os lábios deixam resíduos de batom ou de alimentos, os dedos deixam marcas de gordura, e o próprio vinho pode acabar manchando o fundo da taça, se deixado lá por muito tempo. Por isso uma boa limpeza é fundamental!

No entanto, se lavadas inadequadamente, as taças podem riscar, perder o brilho ou até mesmo acumular cheiros de produtos de limpeza. Para que sua taça dure bastante, preservando seu brilho e transparência, e não fique com odores indesejáveis, é preciso aprender a cuidar delas com cuidado.

Confira as dicas que separamos parta você lavar suas taças de vinho de forma simples e eficiente!

Como lavar as suas taças de vinho

O primeiro passo é retirar os excessos de resíduos, como manchas de batom ou sujeiras sólidas com um guardanapo macio. Em seguida, encha uma panela com água morna e coloque-a ao lado da pia. Pegue a primeira taça e encha-a com a água, esfregando com os dedos ou com uma esponja macia (a parte amarela) a parte interna do bojo em movimentos circulares. Muito cuidado para não quebrar a taça fazendo muita pressão na boca, que costuma ser mais fina, ou nas ligas entre a haste e o bojo e entre a haste e a base.

O ideal é que as taças de vinho não sejam lavadas com sabão e nem detergente. O resíduo desses produtos pode acabar impregnando as taças, principalmente as de cristal, alterando os aromas do vinho e interferindo na “cheminéé” dos espumantes. “Chemineé” é como chamamos o fenômeno da formação de uma chaminé de borbulhas no funda da taça, que sobem ascendem continuamente até chegarem à superfície.

Se a sujeira for persistente, adicione apenas algumas gotas de detergente líquido neutro (sem perfume e nem corantes) dentro da taça com água, e recomece o procedimento.

Após a limpeza interna, mergulhe a taça novamente na água e limpe a parte externa do bojo, a haste e a base. Mergulhe-a novamente e deixe-a secando de ponta cabeça em cima de um pano de prato seco ou guardanapo.

tacas-decanter-como-lavar-secar

Com as taças estiverem secas, chegou a hora da finalização. Pegue um borrifador com álcool e borrife todas as taças por fora e por dentro.  O álcool tem a propriedade de esterilizar suas taças, além de fazê-las secar mais rápido.

Espere alguns minutos e passe para a etapa do brilho. Pegue um pano de prato 100% algodão, toalhas descartáveis especiais que não soltam fibras ou até mesmo toalhas de microfibra para secar e lustrar suas taças, removendo quaisquer manchas que ficarem da limpeza. O ideal é que você reserve um pano novo especialmente para secar suas taças de vinho.

E se sua taça apresentar manchas persistentes de vinho no fundo do bojo?

Não se preocupe! Antes de iniciar a lavagem, adicione uma solução de água e bicarbonato de sódio, ou apenas álcool líquido, e deixe a taça descansar por cerca de meia hora. Depois é só lavar normalmente.

O segredo para isso não aconteça mais é simples: caso você não for lavar as taças imediatamente após o seu uso, colocar um ou dois dedos de água dentro da taça.

Como lavar os decantadores de vinhos?

Assim como as taças, os decantedores de vinho podem oferecer dificuldades na sua limpeza e higienização. Como possuem o bojo bem mais largo e a boca bem mais estreita, as peças não permitem uma limpeza interna com esponja ou toalhas.

A dica mais importante é que o decanter deve ser higienizado logo após o seu uso. Para isso, derrame o vinho restante na pia, abra um frasco de álcool e derrame uma quantidade generosa do produto dentro dele. Deixe a peça descansar por cerca de 30 minutos.

Após o tempo de descanso, gire o decanter em movimentos circulares fazendo com que o álcool se movimente até perceber que todos os resíduos de vinho de soltaram. Derrame o álcool na pia e enxague o decanter com água em abundância, até estar completamente limpo por dentro.

Em seguida, passe para a lavagem da parte externa, com esponja macia, água quente e detergente neutro. Deixe secar de cabeça para baixo. Na hora de higienizar, borrife bastante álcool tanto na parte interna quanto na externa, derrame o excesso do produto na pia e deixe secar novamente. Depois é só lustrar a parte externa com o mesmo tipo de tecido indicado para as taças e guardar em local protegido do pó.


Por Marina Leal, com informações e colaborações de Marlene e Flora

Esta matéria fala sobre:

Matérias relacionadas:

Uma taça para cada vinho: conheça os diferentes tipos de taça

Continue lendo

O serviço completo do vinho: como guardar, como decantar e como servir

Continue lendo

10 acessórios para vinhos que você precisa ter em casa

Continue lendo